sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

Falando Difícil


Tem gente que gosta de falar bonito, gosta de usar palavras difíceis, para mostrar o tamanho de sua sabedoria. Muitas vezes nem sabedoria tem, talvez tenha ouvido algum convidado do programa do Jô falando e, pesquisou o significado da palavra no gooogle.

Daí, eu resolvi pesquisar mais afundo esse tema. Veja só o que eu achei:


"Prosopopéia flácida para acalentar bovinos"
(Conversa mole pra boi dormir)

"Romper a face"
(Quebrar a cara)

"Creditar um primata"
(Pagar um mico)

"Inflar o volume da bolsa escrotal"
(Encher o saco)

"Impulsionar a extremidade do membro inferior
contra a região glútea de alguém"
(Dar um pé na bunda)

"Derrubar, com a extremidade do membro inferior, o suporte
sustentáculo de uma das unidades de acampamento"
(Chutar o pau da barraca)

"Deglutir um batráquio"
(Engolir um sapo)

"Colocar o prolongamento caudal em meio aos membros inferiores"
(Meter o rabo entre as pernas)

"Derrubar com intenções mortais"
(Cair matando)

"Eximir de qualquer tipo de sorte"
(Azarar)

"Aplicar a contravenção do Dr. João, deficiente físico
de um dos membros superiores"
(Dar uma de João sem braço)

"Sequer considerar a utilização de um longo pedaço de madeira"
(Nem a pau)

"Sequer considerar a possibilidade da fêmea bovina
expirar fortes contrações laringo-bucais"
(Nem que a vaca tussa)

"Sequer considerar a utilização de instrumentos
metálicos derivados do ferro"
(Nem ferrando)

"Derramar água pelo chão através do tombamento violento
e premeditado de seu recipiente"
(Chutar o balde)

"Podes retirar o equino da perturbação pluviométrica"
(Pode tirar o cavalo da chuva)



Fonte da imagem: Pérolas do Orkut

31 Comments:

Alexandre Silva said...

Posso dizer através de minha vasta decorrência acerca de inúmeros mistérios aleatórios, que tratando-se de um audiovisual ininterrupto, certamente o referido tratado pelo homo-sapiens denotado, enquadram-se aos renomados escritos arcaicos, que proliberam filosoficamente acerca do que tange às vertentes cubistas, sendo assim, sua verborrágica aparição qualificada enquanto profundo conhecedor do assunto proposto, é quase que correta!

grupo gauche said...

hahahaha, mas vamos combinar que fica mais chique hauahuahauhauaha
essa do cavalo da chuva foi a melhor e gostei da sua obsservação chamando de convidado do Jô hahaha
massa, aliás como sempre1

A'ZaF said...

Já conhecia as frases, ia até fazer um post um tempo atrás mas desisti....

mas a foto foi foda ein ¬¬' o cara quis dar uma de sabichão e eu num entendi nada com nada (dedo pra ele)

abraço

http://paranoiaelucidez.blogspot.com/

Luan A. Miolo said...

Ahauahauahau isso acontece e muitoo.

o blog tah massa, abrass. =)

Cruela Cruel Veneno da Silva said...

arrumei um namorado certa vez que lia o dicionário pra me mandar bilhete

ninguém merece

R.S.V. said...

Nossa! Não entendi nada do que ele escreveu.

Acho que nem ele sabe. hauahua
Mas enfim adorei as frases.

E obg por comentar no meu blog ^^

A'ZaF said...

aqui dnovo \o/

Canto do Lufa said...

Esse povo ignorante é muito criativo!

tem uns que inventam palavras


" Da uma catucada no fulano aí"

CATUCAR NÃO EXISTE!


Eu posso cutuucar mas catuca é complicado!


! Vc pdoe panhar isso pra mim?


Panhar?

Não seria apanhar??!?!?


É brabíssimo isso

Tem as pessoas que não conseguem usar a fonética


Essa festa da Bombano!

Essa festa Bombando!

Qual a dificuldade de falar o D?

Canto do Lufa said...

Eximir a sorte

essa é boa

DiNHa said...

A descrição sobre o curso que o rapaz do orkut fez não passa de "Prosopopéia flácida para acalentar bovinos" =x

felippe-freitas said...

hehehehehehh! FAlar cultamente é uma coisa, mas agora exibir uma obra digna de uma academia brasileira de letras em pleno orkut é outra.FOrmalidade tem hora.Heheheh!

Katielle said...

rsrsrsr

Muito bom esse post...
Na verddae eu conhecia isso ai...xD

Não aguento esse povo que tenta falar bonito...OMG

Pra que?? O melhor é falar de uma forma que todo mundo entenda...
Falar, ou melhor, escrever bonito não vai fazer seu cérebro funcionar melhor
xD
Mas pra todas as horas existe o google...

E ele escreveu nietzsche errado...xD

Passa la

http://fortalezadevidro.blogspot.com/

Marcelo said...

Kadan,

Uma vez, eu tive um aluno que escreveu em uma redação que os políticos viviam na maior luxúria enquanto o povo passava aperto...
Eu perguntei: - luxúria?
Ele respondeu:
- É professor! Pegam o dinheiro para comprar carro de luxo, lancha de luxo, partamento de luxo..rs

Achou que estava falando difícil, logo, bonito...

Abraços

Marcelo

Pretty, Bruna said...

Credo. O.o
Uso palavras difíceis nos meus textos de escola, mas assim, como essas expressões que tuh postou, nunca! Uso não palavras e expressões difíceis, mas bonitas de se escrever e faceis de se entender para uma pessoa culta que lê meus textos.

Felipe said...

Posso dizer sem hesitação que essas palavras citadas são imprecidiveis para o entendimento universal da lingua portuguesa. Em geral, podemos atribuir essas girias em transformações bruscas de nossa lingua, o que, obviamente e infelizmente lhe tira a beleza.

ahuahuuhahauhuahuhauha ¬¬' hehe

www.centralldamusica.blogspot.com

Rafael Pires said...

tem muito pessoal que adora falar dificil. Se achando intelectual. Não existe falar dificial, existe linguagem em geral.

Marcelle Lins said...

kkkkkkkkk...

Adoreii !!

Principalmente os do "pé na bundaa" e "chutandoo o balde"..

Escrever bem é legal, mas deixa isso para os Parnasianoss !!

Chega de exacerbação !!
aushasuhasuhasuhaush


Vou ler outras postagens..
Adoreii, Simplesmentee !!

Beijoss !!

Marcus Alencar said...

Acho curioso esse tipo de acontecimento no meio virtual visto que aqui prevalece as abreviações, fala rápida além de textos mais despreocupados e coloquiais, o que felizmente não é regra geral mas acontece.

Obrigado pelo comentário no meu blog e por ser o único a não falar sobre o quanto o Capitão América não é exemplo para ninguém. Poxa, só citei ele uma vez, rs.

Ana Lucia Nicolau said...

legal essas informações...post comjeito de dicionário...

30 e poucos anos. said...

hahahahaha...ótimas

Deka Silva said...

Muito bom!
Gostei mais do engolir o sapo! Na hora da raiva ou falando rápido sai no popular mesmo!

Larissa said...

hehe bom post cara..;)
aprendendo a ficar mais xic cada vez mais..hehe

vlw pela visita ao meu blog.
www.bestseries-andmovies.blogspot.com

sucesso em seu blog.. sempre que quiser pode voltar la para baixar filmes ou seriado do seu interesse.

P. Florindo said...

Vixe! Eu conheço esse cara! Tinha até no meu Orkut! (Mas era um número então, deletei).

Me lembro de uma vez uma jovem do nordeste (Ceará, acho) que fez um comentário todo rebuscado e filosofal no meu blog. Ela escreveu, escreveu e não falou nada. Só sei que acabamos discutindo e ela tentava me diminuir usando um palavriado do século XIX e insinuava que eu era um ignorante por não eu não ser um obcecado sexual da literatura brasileira como ela.

Detesto pseudo-intelectuais. Eles se acham demais e são uns bostinhas. Eu, quando eu não sei, não tenho vergonha de dizer "não sei, não entendo sobre isso e não posso opinar".

[R.S FRIENDS' ] said...

- Estas Linguas são complicadas demais..o português do 'baiano' ja tabom..kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

zueraaa.
o mais correcto do Paulista é melhor..:P

Boa Referencia sobre o tema.


http://entreeuvoce.blogspot.com/
ESPERAMOS VOCE LÁ! ;)

Aprendendo um pouco said...

Certamente o uso de palavras de árdua síntese mental é plenamente desnecessário no ciclo cotidiano pessoal. xD

http://aprendendoumpouco.blogspot.com/

Leo Pinheiro said...

O melhor é que o excesso de expressões como 'ou seja', 'em suma' etc, como conectivos mostra que o sujeito está sendo prolixo.

Que babaca!

said...

Algumas dessas metaforas são impagaveis...
Mas não dá para suavisar nos casos acima. Bom mesmo é ir no popular!!!!

╬ Nothing has sense ╬ Felipesfr said...

heheh... doido né
curti.. legal..
gostei do blog tb

╬ Nothing has sense ╬ Felipesfr said...

heheh... doido né
curti.. legal..
gostei do blog tb

Simply said...

Vejamos, uma vez consubstanciado o fato de que o meliante ora em discussão, em sua trajetória por este nosso vasto universo, tem absorvido experiências conflitante em sua fase anal e por tal tem se portado de maneira insignificante em meio a rede mundial de computadores copiando e colando diversos temas e tópicos sobre os quais ouviu e que, meramente, sabe o que significam.

Concluindo, ou o carinha é um nerd viciado em net a fim da mina da pergunta(ou sou eu?) ou não tem nada pra faze então passa horas lendo o aurélio pra escrever uma frase.

Guilherme Santos said...

ja havia visto
mas vale a pena ler de novo

BlogBlogs.Com.Br