quinta-feira, 31 de julho de 2008

E que venha a Ditadura!!!

Sabe aquele download que vc faz nos emule´s da vida, O Ctrl C e o Ctrl V, que vc faz de vez em qdo, e vc lembra daquele vídeo da Daniela Cicarelli na praia, q vc mandou o link para toda a sua lista de amigos?
Agora vc poderá pegar até 3 anos de prisão. Isso que diz o projeto de lei do senador Eduardo Azeredo que tem interesse em "disciplinar o uso da internet”.
Muitos especialista estão discutindo, pois, o texto não especifica quais são “os crimes cibernéticos", estão lá na lista como pirataria, ação de pedófilos e acesso a equipamentos ou redes com a violação da segurança de ambientes que tenham "proteção expressa".
A transferência sem autorização de dados e informações de unidades ou sistemas, cujo acesso for restrito e protegido expressamente, também será considerada ação criminosa. O projeto também considera crime falsificar dados eletrônicos ou documentos públicos e verdadeiros; praticar o estelionato; capturar senhas de usuários do comércio eletrônico e divulgar imagens de caráter privativo.
O projeto foi aprovado pelo senado no dia 25/07, agora o pojeto enviado para a câmara dos deputados, para ser análisado.

Acredito q eles querem mesmo, é limitar o uso da rede, para assim ter um controle maior. É interessante criar um orgão de fiscalização para inibir crimes de verdade. Do mesmo modo q existe um interesse dos parlamentares, de criar um único número de identificação para os brasileiros, que seria disponibilizado, para o cidadão ainda na maternidade. Com esse número, pode-se casar, tirar passaporte, votar, fazer crediário nas casas bahia e por ai vai. Por um lado simplifica para o cidadão, mas simplifica mto mais para o governo, q terá acesso a sua vida, com apenas um click.

Países não muito bons para fazer uso da internet:

Cuba – Só existe um provedor de acesso, além do governo bloquear sites estrangeiros. Só para ter idéia, até maio, era proibido ter computador em casa.
Egito – Eles pelo menos não censuram a rede, mas persegue quem escreve contra o governo, um estudante pegou 4 anos de prisão.
Irã – Já prendeu mais de 20 blogueiros e se orgulha de barrar 10 milhões de sites “imorais” (que tenham como tema: sexo, política e religião”).
Suécia-La é mais light, a internet só é grampeada pelo governo, supostamente para combater sites de pedofilia, racismo e downloads piratas.
Coréia do Norte – Lá é o lugar onde o filho chora e a mãe não vê. Até o começo do ano era proibido ter celular (quem fosse com um era condenado à morte) criar um blog, então...
Arábia Saudita – O governo afirma bloquear 400 mil páginas de sites estrangeiros a blogs escrito por mulheres árabes.

Hidrogênio

video

Esse video, é estilo o video do Filtro solar, só que esse é sobre o trabalho. É tão bom quanto!!!

Vale a pena assistir!!!

quarta-feira, 30 de julho de 2008

Novo filme do Zé do Caixão: A Encarnação do Diabo


Mais esperado que o “novo cd” do Guns Roses, e mais esperado que o acústico do Calypso...
Estou falando nada mais e nada menos do que o ícone trash brasileiro, e seu novo filme. Zé do caixão acabou de filmar o ultimo filme da trilogia “Encarnação do Diabo”. Os filmes que deram início à trilogia são "À meia-noite levarei sua alma" de 1964, e “Esta noite encarnarei no teu cadáver”, de 1967. Na nova trama de terror, Zé do Caixão é libertado após 40 anos na prisão e no manicômio.
Hoje foi o lançamento do filme, que ocorreu no espaço Uniflex, no Rio de Janeiro.
Apesar de ser trash o filme ta tendo uma repercussão positiva, inclusive o filme do Zé, foi o grande vencedor do I Festival Cinema de Paulinia, o filme recebeu o troféu Menina de Ouro em cinco categorias: direção de arte, edição de som, montagem, fotografia, trilha sonora e, o mais esperado de todos, o de melhor filme.
E que venha o Oscar!!!

Discurso de Cristovam Buarque




Este discurso merece ser lido, afinal não são todos os dias que um brasileiro dá um "baile" educadíssimo aos Americanos...

Durante um debate numa universidade dos Estados Unidos o até então Ministro da Educação CRISTOVAM BUARQUE foi questionado sobre o que pensava da internacionalização da Amazônia (idéia que surge com alguma insistência em alguns setores da sociedade americana e que muito incomoda os brasileiros). Um jovem americano fez a pergunta dizendo que esperava a resposta de um Humanista e não de um Brasileiro. Esta foi a resposta de Cristovam Buarque : “De fato, como brasileiro eu simplesmente falaria contra a internacionalização da Amazônia. Por mais que nossos governos não tenham o devido cuidado com esse patrimônio, ele é nosso. Como humanista, sentindo o risco da degradação ambiental que sofre a Amazônia, posso imaginar a sua internacionalização, como também a de tudo o mais que tem importância para a humanidade. Se a Amazônia, sob uma ética humanista, deve ser internacionalizada, internacionalizemos também as reservas de petróleo do mundo inteiro... O petróleo é tão importante para o bem-estar da humanidade quanto a Amazônia para o nosso futuro. Apesar disso, os donos das reservas sentem-se no direito de aumentar ou diminuir a extração de petróleo e subir ou não seu preço. Da mesma forma, o capital financeiro dos países ricos deveria ser internacionalizado. Se a Amazônia é uma reserva para todos os seres humanos, ela não pode ser queimada pela vontade de um dono ou de um país. Queimar a Amazônia é tão grave quanto o desemprego provocado pelas decisões arbitrárias dos especuladores globais. Não podemos deixar que as reservas financeiras sirvam para queimar países inteiros na volúpia da especulação. Antes mesmo da Amazônia, eu gostaria de ver a internacionalização de todos os grandes museus do mundo. O Louvre não deve pertencer apenas à França. Cada museu do mundo é guardião das mais belas peças produzidas pelo gênio humano. Não se pode deixar esse patrimônio cultural, como o patrimônio natural Amazônico, seja manipulado e destruído pelo gosto de um proprietário ou de um país. Não faz muito tempo, um milionário japonês, decidiu enterrar com ele, um quadro de um grande mestre. Antes disso, aquele quadro deveria ter sido internacionalizado. Durante este encontro, as Nações Unidas estão realizando o Fórum do Milênio, mas alguns presidentes de países tiveram dificuldades em comparecer por constrangimentos na fronteira dos EUA. Por isso, eu acho que Nova York, como sede das Nações Unidas, deve ser internacionalizada. Pelo menos Manhattan deveria pertencer a toda a humanidade. Assim como Paris, Veneza, Roma, Londres, Rio de Janeiro, Brasília, Recife, cada cidade, com sua beleza específica, sua história do mundo, deveria pertencer ao mundo inteiro. Se os EUA querem internacionalizar a Amazônia, pelo risco de deixá-la nas mãos de brasileiros, internacionalizemos também todos os arsenais nucleares dos EUA. Até porque eles já demonstraram que são capazes de usar essas armas, provocando uma destruição milhares de vezes maior do que as lamentáveis queimadas feitas nas florestas do Brasil. Nos seus debates, os atuais candidatos à presidência dos EUA têm defendido a idéia de internacionalizar as reservas florestais do mundo em troca da dívida. Comecemos usando essa dívida para garantir que cada criança do Mundo tenha possibilidade de COMER e de ir à escola. Internacionalizemos as crianças tratando-as, todas elas, não importando o país onde nasceram, como patrimônio que merece cuidados do mundo inteiro. Ainda mais do que merece a Amazônia. Quando os dirigentes tratarem as crianças pobres do mundo como um patrimônio da Humanidade, eles não deixarão que elas trabalhem quando deveriam estudar, que morram quando deveriam viver. Como humanista, aceito defender a internacionalização do mundo. Mas, enquanto o mundo me tratar como brasileiro, lutarei para que a Amazônia seja nossa. Só nossa!"
E.U.A, Europa e Japão, foram os primeiros a destruir sua fauna e sua flora. Derrubando arvores, furando o chão atrás de petróleo e caçando baleias, entre outras pratica predatórias. Agora vêm os bons samaritanos, defender a natureza com a camisa do green peace, porém os mesmos se esquecem que estão com os dedos cheios de óleo, parafraseando o Lula.

terça-feira, 29 de julho de 2008

Venus Willindor Flarge-A Beleza Feminina

Desde os tempos mais remotos, que a beleza feminina causa controvérsias. Na china por exemplo, as meninas a partir de seus 6 anos, têm os seus pés enfaixados, conforme elas vão crescendo, os seus pés vão quebrar e com isso terão os pés deformados o resto da vida, isso em sinal da beleza.

No início do século XX nos Estados Unidos e Europa, as mulheres usavam espartilhos que limitavam seus movimentos e causavam uma série de problemas de saúde, incluindo insuficiência respiratória, atrofiamento dos músculos das costas e deformação do estômago e fígado. Isso tudo para ter uma cinturinha de “Pilão” e, esconder aquele pneuzinho.

Em algumas regiões da Ásia e da África, existem as “mulheres girafas”, que usam argolas no pescoço. Essas argolas representam, classe social, sinal de vaidade e, de feminilidade para as mulheres daquela região. Algumas vezes deixam as usuárias deficientes e dependentes de seus maridos.
Daí vem a pergunta que não quer calar... sinal de beleza ou submissão, imposta pelo sexo masculino?

Na antiguidade a coisa era diferente, e as gordinhas eram veneradas como símbolo de beleza. Um homem da época não se interessava por uma Marlyn Monroe da vida, pois, ser magro era sinal de doença e pobreza.

Se antigamente as mulheres tinham que se entupir de torresminho para manter a forma, não é a sena que se vê nos dia atuais, onde se existe um culto a magreza esculpida e exagerada. As Barbies e as Suzis da vida, parecem bulimicas, e já deveriam vir, junto com a casinha um baldinho para facilitar a vida das bonecas, com seus transtornos alimentares.

Um corpo magro é sinal de beleza um protótipo de sucesso. Imagem que fora criada pela sociedade, que estabeleceu esse padrão de beleza.

Hoje as mulheres buscam a forma física ideal, a preço de dietas infindáveis, muita academia, lipoaspiração e drenagens ninfaticas, para conseguir enfim, sumir com a maldita celulite.

Mas acreditem meninas, só quem pode se dar o luxo de usar fio dental sem celulite é travesti. E as vezes nós homens até preferimos umas gordurinhas para pegar, ao invés de um ossobuco de passarela.

E viva Venus Willindor Flarge, a gostosona da pré-história!!!

Com o perdão do trocadilho, esse é o Hino Comercial


segunda-feira, 28 de julho de 2008

Quer ter muitos filhos? Seja um Bêbado e um vagabundo!


Segundo um estudo feito na Inglaterra, as mulheres tendem a escolher maridos ricos. Mas quanto menos um homem trabalha, maiores são as suas chances de reprodução.

Já os homens que enchem a cara e não são chegados a labuta, são os mais férteis-99% deles têm espermatozóides perfeitos. Era a desculpa que faltava, pois, quando se está gripado, o melhor remédio é Conhaque com limão, quando se está triste bebe para afundar as magoas, e quando se está feliz, bebe para comemorar.

Agora o povo vai beber e vai deixar de pegar no pesado para procriar e isso tudo com o aval da ciência.

Agora Virou Brasil!!!

Pasmem leitores, criaram um projeto de lei que garante a inviolabilidade dos escritórios de advocacia. A maioria dos integrantes do conselho de coordenação política do governo recomendou ao nosso excelentíssimo presidente Luiz Inácio Lula da Silva nesta segunda-feira que vete o projeto de lei. Segundo fonte do Palácio do Planalto, no entanto, o presidente só vetará ou sancionará a proposta depois que o ministro da Justiça, Tarso Genro, discutir o tema com representantes de instituições que atuam no setor. Lula tem até o dia 11/08, para tomar a decisão.
De autoria do deputado Michel Temer (PMDB-SP), o projeto foi aprovado pelo Senado no último dia 9. O parlamentar preside o PMDB, maior partido da coalizão governista.
O projeto limita a realização de mandados de busca e apreensão em escritórios a casos em que os advogados forem os alvos das investigações. Está previsto que representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) acompanharão as operações. Além disso, só será permitido o acesso a materiais relativos a clientes que estiverem sendo investigados por suposta co-autoria dos crimes que justificaram a quebra da inviolabilidade.Se esse projeto de lei for aprovado, vai ser difícil fazer uma investigação coerente, pois, o juiz terá que "adivinhar" qual prova deja ser apresentada pelo advogado. Isso é bom para os políticos, pois, podem continuar com suas maracutaias, que os seus advogados e suas provas estarão eternamente seguras...Ta de brincadeira mesmo!!!

Ousadia

video

Essa propaganda foi muito bem elaborada...

BlogBlogs.Com.Br