sábado, 13 de setembro de 2008

Lua


Ó Lua tremula que servistes de guia para os navegantes,
Que pelo mar iluminado, por sua seresta prateada percorriam.
Ó Lua, clara e subjetiva.
Tens 4 fases e mesmo assim é única.
Tu és venerada e contemplada,
Todas as mulheres gostariam de provocar, o mesmo fascínio que provocas.
Tu és filha da noite, herdastes de tua matriarca a beleza e soberania.
Tu não envelheces radiante e reluzente.
Tu viste o sol nascer e o amor morrer,
E mesmo assim, ainda parece uma menina.

4 Comments:

Mah Ditame said...

Amei...adorei....
Paumas pra vc!!!!

Se eu fosse um sorvete eu já estaria derretida....;-)

Assinado neófito mas distinto:
chip-novo.blogspot.com

B. Capelii said...

O homenzinho de barba mal feita escreve com letras perfeitas! parabéns cara! muito bom os texto

Thierre Januth said...

heheh Como ja postei na Outra vim agora para esse

Gostei mais ainda

Abraço

Boa Semana

Ellen Regina said...

Eis o astro q mais influencia a vida de todas as mulheres, o ciclo menstrual, a gestação...

De mais a mais, a lua teria q fazer um tratamento de pele, para suavizar suas crateras antes q alguma mulher quisessse imitá-la. hahahahahahhah. É um amor quase bandido.

BlogBlogs.Com.Br